Chrome abusa no uso de memória e processamento, travando PCs comuns

Compartilhe!

    Bom, certamente já viram algo sobre o Chrome, o navegador do Google. Alguns cogitaram que o novo browser poderia desbancar Firefox e IE, aproveitando a grande visibilidade do gigante das buscas na rede. A verdade é que, usando o Chrome desde o lançamento do Beta, percebi que a principal falha do navegador, é justamente uma das mais graves.

    O “maravilhoso” recurso de separar as abas de maneira independente gera uma quantidade muito grande de processos, sem falar no uso de memória RAM, muitas vezes superior ao de seus concorrentes.



    Número de processos gerados com duas janelas abertas do navegador

    Isso, num computador com processador P4 de 2.8Ghz, com tarefas diárias deste blogueiro/jornalista que vos escreve, gera uma taxa média de processamento de 97%. Mas e daí? E daí que a máquina, devido ao aquecimento, desliga automaticamente depois de um tempo. Sem falar nos problemas de tratar uma imagem, digamos no Photoshop, com somente 250MB de RAM livre.

    Também uso o Chrome em casa, numa máquina mais potente e com Windows Vista, lá os problemas são menores, já que a máquina possui mais processamento e RAM. Fica mais fácil de esconder um grande uso de memória quando o PC tem isso sobrando.

    Logo, minha dica é: entusiastas o Chrome é para vocês. Pessoas normais, continuem com o Firefox (melhor solução em uso de memória e processamento, sem falar nos add-ons). Não sei se esses “pesados” problemas vão se resolver com o tempo, mas “em tempo” o Chrome perde de lavada.

    Compartilhe!

      3 ideias sobre “Chrome abusa no uso de memória e processamento, travando PCs comuns

      1. Prezado amigo, vc tem toda razão. O Chrome realmente é mais rápido em sua abertura, ou seja, leve. Mas o uso de memória do sistema é um absurdo. É superior a todos os outros, como IE8 e Firefox 3. Adorei a cara do Chrome, mas ainda permanecerei com o FF. Forte abraço!

      2. Quando eu abria o Crome pela primeira vez ele gradativamente em rampa ascendente consumia toda a memoria até iniciar um swap (Acho que é assim que se escreve:Uso do HD como memória), ai ia o resto embora, processador e Disco. Resolvi removendo a extensão do avast!. Agora a última versão do Crome está rodando levinha em um P4 2.8Ghz/1.5GB de Mémória.

      Deixe uma resposta

      O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

      Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>