Redes sociais superam a lei de Moore

Compartilhe!

    Interessante a análise por Mark Zuckerberg, fundador da Facebook, vista ontem no The New York Times. O jovem mais rico do mundo anunciou um “paradigma” nas redes sociais, baseados em valores estatísticos: os conteúdos produzidos por usuários de ALGUMAS redes sociais duplicaram em apenas um ano.

    O dado é revelante e merece ter um grande destaque. Valores desta quadro (foto) superam, por exemplo, a lei de Moore, na qual afirmava que a capacidade de processadores duplicaria “apenas” a cada dois anos.

    Isso confirma também uma cultura de usuário em cada ambiente virtual. Veja o MySpace, por exemplo: quase não teve crescimento. Devido, é claro, à sua estagnação da popularização do serviço. Dificilmente terá um “novo boom” de novas pessoas por lá.

    Surpreendente é o Hi5. A rede social, sim, teve um crescimento de 100%, porcentagem maior em relação aos seus rivais Facebook e Orkut.

    Compartilhe!