O futuro do jornalismo digital não é movel. É, sobretudo, responsivo

Em 2012, Mark Zuckerberg, CEO e fundador do Facebook, acalmou seus investidores ao revelar que a empresa que ajudou a criar em fevereiro de 2004 tornaria-se também móvel. Diz o senhor das redes: “Nós somos uma companhia móvel”. Aos 28 anos, Zuck usa esse argumento para rebater o maior problema encontrado na rede: a falta de um modelo de negócio – e atenção – à plataforma. O mesmo poderia ser aplicado ao Jornalismo. Quem pensa assim, contudo, está enganado. O setor necessita de uma mudança maior: seu conteúdo precisa ser, sobretudo,  responsivo.

Continuar lendo

A iniciativa dos princípios de design do governo britânico

Com nomeação de sua majestade, a rainha, o governo britânico lançou uma cartilha de boas práticas para o design.  A iniciativa, que parte do novo portal beta do governo, pretende não ser uma listagem de práticas ruins, mas um guia para processos mais estruturados e com foco na usabilidade e conforto dos usuários.

Continuar lendo